sábado, 28 de fevereiro de 2015

Com rumores de distanciamento, Dilma receberá cúpula do PMDB.

Na próxima segunda-feira, Dilma Rousseff (PT) deve se reunir com membros da cúpula do PMDB. O convite de um jantar foi feito pela própria presidente depois que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ouviu reclamações de integrantes do partido sobre um suposto tratamento dispensado que eles estariam tendo do governo. As informações são da Folha de S. Paulo.

De acordo com o jornal, além do vice, Michel Temer, serão recebidos no Palácio da Alvorada os presidentes do Senado, Renan Calheiros, e da Câmara, Eduardo Cunha. Eles têm se queixado de falta de interlocução e acesso às decisões centrais do governo desde a reeleição da petista.

Renan contou ao jornal que, durante reunião com Lula, os peemedebistas disseram que o ajuste fiscal promovido pelo governo “é pífio e insuficiente” e defenderam que ele seja ampliado. “Ele [Lula] acha que o PMDB precisa, sim, ter um papel de maior protagonismo. Ele lembrou que ouvia o vice José Alencar em todas as decisões e acha que o mesmo deve ocorrer agora”, afirmou ainda.
Fonte: Agência Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário