terça-feira, 29 de março de 2016

Campo Redondo: Pelo menos três pastas estarão vagas essa semana para acomodar novos aliados na Prefeitura.

Pelo menos 3 auxiliares do prefeito Doutor Alessandru vão deixar os cargos até o próximo sábado.

Se desincompatibilizarão do governo municipal o Secretário de Articulação Política, João de Oliveira (João Quebrado), a Secretária de Assistência Social, Andressa de Alberany, e possivelmente o Secretário de Transportes, Irmão Omar Pacheco.

Provavelmente todos serão candidatos a vereador e o prazo para deixarem os cargos públicos se encerra no dia 2 de abril.

Governo do RN estende prazo para regularização das 'cinquentinhas'.

O Governo do Rio Grande do Norte anunciou que decidiu estender o prazo para a regularização dos ciclomotores popularmente chamados de 'cinquentinhas' adquiridos antes de 31 de julho de 2015. O processo de registro e licenciamento dos veículos, coordenado pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran), seria finalizado nesta segunda-feira (28). Porém, por meio de uma nova portaria a ser publicada nesta terça (29) no Diário Oficial do Estado (DOE), o prazo será acrescido em 30 dias. Assim, os proprietários das 'cinquentinhas' terão até o final de abril para regularizar os veículos.

As 'cinquentinhas' são veículos de duas ou três rodas, cuja cilindrada não ultrapassa 50 cilindradas e cuja velocidade máxima não ultrapassa os 50 quilômetros por hora.

A decisão pela edição da nova portaria partiu do governador Robinson Faria. “Resolvemos aumentar o prazo para atender aos pedidos dos condutores, permitindo que os proprietários dos ciclomotores de todo o estado tenham tempo suficiente para regularizar seus veículos”, disse o chefe do poder Executivo.

A nova portaria não altera o sistema de regularização dos veículos. O proprietário do ciclomotor, sendo pessoa física, deve apresentar ao Detran-RN o comprovante de endereço e a nota fiscal de aquisição do veículo ou preencher uma Declaração de Procedência com firma reconhecida em cartório.

Segundo o Detran, após passar por vistoria e pagar o seguro obrigatório (DPVAT) na quantia de R$ 292,01, além da taxa de licenciamento no valor de R$ 65 (veículo não financiado) ou R$ 95 (veículo financiado), o ciclomotor estará registrado e liberado para transitar. Não é necessário o pagamento do Imposto Sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), pois os ciclomotores são isentos.

De acordo com a Lei Federal nº 13.154/2015, o condutor de ciclomotor tem que possuir Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na categoria A ou Autorização para Condução de Ciclomotor (ACC). O condutor de ciclomotor que for flagrado fora dos critérios exigidos será multado no valor de R$ 127,69 e pode ter o veículo apreendido. O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) ainda determina que quem guia as 'cinquentinhas' também precisa ter os mesmos cuidados de segurança que os motociclistas, incluindo, por exemplo, o uso de capacete.

Até o início deste mês de março, o Detran-RN já tinha emplacado mais de 6,5 mil ciclomotores, sendo 5.121 no interior e outros 1.439 em Natal.

A pedido do MP, juiz solta ex-presidente da Câmara de Apodi.

Vereador João Evangelista de Menezes Filho
(Foto: Márcio Morais)
Suspeito de crime de peculato (desvio de dinheiro público), foi solto na tarde de ontem (28) o ex-presidente da Câmara dos Vereadores de Apodi, João Evangelista de Menezes Filho. João, que estava encarcerado no Centro de Detenção Provisória da cidade, havia sido preso em janeiro deste ano durante a operação 'Apóstolo', investigação do Ministério Público Estadual que apura um suposto pagamento de despesas particulares de combustíveis mediante recursos provenientes da própria Câmara.

O alvará de soltura foi assinado pelo juiz Renato Vasconcelos Magalhães, que acatou pedido de revogação de prisão feito pelo promotor Sílvio Brito. A decisão foi publicada no site do TJ. "O réu decidiu colaborar com as investigações e confessou o crime. Ele agora vai aguardar o julgamento em liberdade", disse o promotor. Ainda de acordo com Brito, a denúncia contra o ex-presidente da Câmara de Apodi foi concluída e remetida à Justiça na última terça-feira (22).

Menina de 6 anos leva 8 tiros no RN, é internada e passa bem.

Do G1/RN: Uma menina de seis anos sobreviveu e passa bem após ter levado oito tiros. O crime aconteceu no município de Santa Cruz, na região Agreste do Rio Grande do Norte. Em entrevista à Inter TV Cabugi, a mãe da criança afirmou que o caso aconteceu neste final de semana. De acordo com ela, a menina foi atingida após uma confusão perto da casa onde a família mora. O homem que fez os disparos fugiu. Os tiros atingiram os braços e um dos ombro da menina.

Segundo Jucileide Rodrigues, mãe da menina, ela e a filha estavam na porta de casa quando o homem se aproximou e começou a atirar. "A gente estava na porta de casa. Tinha um pessoal bebendo, aí começou uma briga e veio esse rapaz com uma arma na mão e começou a atirar", contou Jucileide.

Ainda de acordo com a mulher, vizinhos socorreram a criança e a levaram de carro até o hospital da cidade. Após os primeiros atendimentos, a menina foi encaminhada para o Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, em Natal, onde ela permanece internada. A criança, no entanto, não corre risco de morte.

Baleado na cabeça: De acordo com a pediatra Raylda Santos, o caso da menina não foi o único de crianças baleadas a entrar no hospital durante o fim de semana. Segundo a pediatra, um menino de 12 anos também deu entrada vítima de um disparo de arma de fogo.

Ainda de acordo com a própria pediatra, este caso aconteceu no município de São Paulo do Potengi, também na região Agreste do estado. A criança foi baleada após bandidos tentarem roubar o carro da família. O pai da criança também foi alvejado.

“Ele teve muita sorte, porque o tiro pegou na cabeça, de raspão, e por centímetros não penetrou no crânio. Ele também foi atingido de raspão em um dos polegares”, disse a médica.

Em parecer, Janot opina a favor da nomeação de Lula para a Casa Civil.

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, se manifestou nesta segunda-feira (28) a favor da validação, pelo Supremo Tribunal Federal (STF), da nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como ministro-chefe da Casa Civil.

Em parecer enviado ao STF, no entanto, ele opinou por manter as investigações sobre o petista até a data de sua posse, no último dia 17, sob a supervisão do juiz Sérgio Moro, que conduz os processos da Operação Lava Jato na primeira instância da Justiça Federal.

A posição do PGR foi remetida para instruir duas ações sob relatoria do ministro Teori Zavascki, contra a nomeação de Lula, protocoladas por PSDB e PSB.

No documento, Janot diz que a nomeação de Lula por Dilma contém elementos de “desvio de finalidade”, isto é, serviu para deslocar as investigações sobre o petista para o STF, onde os processos de apuração são mais lentos.

“O acervo probatório e elementos que se tornaram notórios desde a nomeação e posse do ex-Presidente permitem concluir que a nomeação foi praticada com intenção de afetar competência de juízo de primeiro grau. Há danos objetivos à persecução penal, pela necessidade de interromper investigações em curso, pelo tempo para remessa das peças de informação e para análise delas por parte dos novos sujeitos processuais e pelos ritos mais demorados de investigações e ações relativas a pessoas com foro por prerrogativa de função”, escreveu Janot no parecer.

Na semana passada, em outra ação, protocolada pelo governo, Zavascki determinou que as investigações sobre Lula que corriam na primeira instância, com Moro, fossem remetidas ao STF, por causa de gravações dele com autoridades com foro privilegiado, como a presidente Dilma Rousseff.

A nomeação de Lula para a Casa Civil, no entanto, permanece suspensa, por determinação do ministro Gilmar Mendes, em outras ações contra o ex-presidente.

Em seu parecer, Janot, afirmou que a prerrogativa de foro, que garante a ministros serem investigados perante o Supremo, “não é absoluta”. “Caso se apure ter sido a nomeação praticada com abuso de direito ou tentativa de fraude processual, pode autorizar-se deslocamento da competência para outro juízo”, escreveu.

Em outra parte, porém, reconheceu o poder da presidente para escolher seus ministros, sobretudo na Casa Civil. Para Janot, deve-se validar a nomeação “para evitar maiores danos à atuação governamental, uma vez que a pasta ministerial se encontra desprovida de seu titular, em momento de conhecida e profunda turbulência política e econômica que o país atravessa”.

Ministro do Turismo, Henrique Alves entrega pedido de demissão.

O demissão ao Palácio do Planalto nesta segunda-feira (28). Ele estava no cargo desde 16 de abril do ano passado (leia a carta de demissão ao final desta publicação).

Ligado ao vice-presidente Michel Temer, que é presidente nacional do PMDB, Alves pediu demissão na véspera do encontro que deve selar o desembarque do PMDB ao governo. Desde o início do ano, ele é o primeiro ministro peemedebista a entregar o cargo.

Na carta, Alves diz que pensou "muito" antes de pedir demissão mas que, "independentemente de nossas intenções o momento nacional coloca agora o PMDB, o meu partido há 46 anos, diante do desafio maior de escolher o seu caminho, sob a presidência do meu companheiro de tantas lutas, Michel Temer".

No texto, o peemedebista disse ainda que o diálogo no governo "se exauriu". O G1 procurou o Palácio do Planalto para saber o posicionamento da presidente Dilma Rousseff diante do pedido de demissão e aguardava retorno até a última atualização desta publicação.

Alves é investigado no Supremo Tribunal Federal (STF) por supostamente ter se beneficiado do esquema de corrupção que atuava na Petrobras e que é alvo da Operação Lava Jato. Ao pedir demissão, ele deixa de ter foro privilegiado no STF e será investigado na Justiça comum.

Leia abaixo a íntegra da carta de demissão de Henrique Eduardo Alves:

Excelentíssima Senhora Presidenta Dilma,

Venho por meio desta carta entregar o honroso cardo de Ministro do Turismo do seu Governo e agradecer por toda a confiança e respeitosa relação mantida durante esses onze meses em que trabalhamos juntos.

Pensei muito antes de fazê-lo, considerando as motivações e desafios que me impulsionaram a assumir o Ministério (e que acredito ter honrado): fazer do Turismo uma importante agenda econômica, política e social do Governo e do País.

Mas, independentemente de nossas intenções, o momento nacional coloca agora o PMDB, o meu partido há 46 anos, diante do desafio maior de escolher o seu caminho, sob a presidência do meu companheiro de tantas lutas, Michel Temer.

Todos - o Governo que assumi e o PMDB que sou - sabem que sempre prezei o diálogo permanente. Diálogo este que - lamento admitir - se exauriu.

Assim, Presidenta Dilma, é a decisão que tomo. Não nego que difícil, mas consciente, coerente, respeitando o meu Rio Grande do Norte, e sempre - como todos nós - na luta por um Brasil melhor.

Estou certo de que, sendo a Senhora alguém que preza acima de tudo a coerência ideológica e a lealdade ao seu próprio partido, entenderá a minha decisão.

Respeitosamente, 

Henrique Eduardo Alves

sábado, 26 de março de 2016

Homenagem do Major Haroldo pelos 53 anos de Emancipação Política de Campo Redondo.

Homenagem do estudante Breno Lucena pelos 53 anos de Emancipação Política de Campo Redondo.

Homenagem dos Professores Paulo Noruélio e Júnior Reinaldo pelos 53 anos de Emancipação Política de Campo Redondo.

Homenagem do deputado Estadual Kelps Lima pelos 53 anos de Emancipação Política de Campo Redondo.

Homenagem do ex-prefeito Carlinhos Lucena pelos 53 anos de Emancipação Política de Campo Redondo

Parabéns Campo Redondo pelos seus 53 anos de Emancipação Política.

Vista aerea de Campo Redondo, por Daniel Alves
Campo Redondo, município no estado do Rio Grande do Norte (Brasil), está localizado na microrregião da Borborema Potiguar e tem uma área de 213,729 km². A sede do município tem uma altitude média de 471 m e coordenadas 6°14'34,8" de latitude sul e 36°10'58,8" de longitude oeste, distando da capital Natal cerca de 135 km, sendo seu acesso, a partir de Natal, efetuando através de rodovia pavimentada BR-226.

No ano de 1894, tornou-se pública a existência de uma fazenda de gado por nome Campo Redondo, situada na serra do Doutor, na região do Trairi de propriedade de Francisco José Pacheco. A família Pachêco comprou propriedades aqui e começaram a construção das primeiras casas. A primeira casa foi construída por Joaquim Borges de Oliveira, onde atualmente funciona a Farmácia Tradição Amarante. Portanto, a família Pachêco são os legítimos fundadores de Campo Redondo.

Por decisão do proprietário foi construído na fazenda uma capela em homenagem a Nossa Senhora de Lourdes, em 1917, para levar até a povoação a presença religiosa e por gratidão do sucesso obtido na plantação do algodão e o êxito das lavouras. A primeira criança batizada que foi batizada na capela foi Francisco Pachêco Filho.

Cinco anos depois, em 1922, Campo Redondo já tinha feira e uma rua única com trinta casas, começando a ganhar evidências de um pequeno povoado.

Em 1922, Campo Redondo já tinha uma feira e uma rua com trinta casas o que lhe dava aparência de povoado. A capela foi substituída por uma igreja maior em 1935 e três anos depois Campo Redondo foi elevado à condição de vila, passando a se chamar, oficialmente, Serra do Doutor, no dia 30 de dezembro de 1943. Logo depois voltou ao seu nome original, Campo Redondo. Com o crescimento da população foi construído um cemitério, lá no alto na margem direita da estrada de acesso a cidade de Coronel Ezequiel, antigo Melão, local este onde se encontra o antigo prédio do Banco do Brasil.

Em 26 de março de 1963, pela Lei nº 2.855, desmembrou-se de Santa Cruz e tornou-se município com o nome de Campo Redondo.

Campo Redondo está a 135 quilômetros de distância da capital, Natal, e tem uma área de 239 quilômetros quadrados, onde residem 10.266 habitantes.

terça-feira, 22 de março de 2016

Campo Redondo: Major Haroldo participou do encerramento da Festa de São José na comunidade de Malhada Vermelha.

Fotos: Douglas CD's
Em clima de fé, centenas de fieis se reuniram em frente a capela para rezar e pedir chuva neste dia. De acordo com a crença popular, dia 19 de março traz uma carga de esperança ao homem do campo porque precipitação nesta data é sinal de que o inverno será próspero. A celebração foi conduzida pelo padre Idalmo Cesar, e contou com as presenças do vice-prefeito Egídio e do Major Haroldo.

Conversando com a população, o Major Haroldo destacou a importância das preces destinadas a São José e falou: “nós estamos aqui reunidos para pedir bênçãos para todos os Camporedondenses. As orações que fazemos neste momento estão concentradas para que possamos superar as dificuldades que assolam o nosso município. Tudo que estiver ao meu alcance, vou fazer para ajudar a esse povo forte e resistente do município de Campo Redondo”, finalizou.

Campo Redondo: Dia 26 de março tem a tradicional festa de sábado de aleluia na fazenda casa show.

AGU recorre ao Supremo para garantir Lula na Casa Civil.

A Advocacia-Geral da União (AGU) recorreu ontem (21) ao Supremo Tribunal Federal (STF) para cassar as duas decisões do ministro Gilmar Mendes que suspenderam a posse do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no chefia da Casa Civil da Presidência da República. No recurso, a AGU sustenta que não há impedimentos legais para que Lula exerça o cargo de ministro.

Para a AGU, Lula não tem nenhuma restrição legal e pode cumprir suas funções na Casa Civil. "Restam igualmente presentes os requisitos constitucionais gerais para o preenchimento do posto de ministro de Estado. Também não está impedido de exercer cargos públicos, na medida em que não se encontra condenado em qualquer instância, muito menos despido de seus direitos políticos", argumenta a Advocacia da União.

A AGU pede urgência na decisão por causa do recesso do Judiciário, que começa quarta-feira (23). Devido ao feriado da Semana Santa, o Supremo não terá sessões nas duas turmas e no plenário nesta semana. De acordo com a Lei 5.010/1966, norma que organizou a Justiça Federal (JF), é feriado na JF e nos tribunais superiores da quarta-feira da Semana Santa até o domingo de Páscoa.

Sérgio MoroA AGU também recorreu ao Supremo para suspender a decisão do juiz federal Sérgio Moro, que autorizou a divulgação de conversas telefônicas entre o ex-presidente Lula e a presidenta Dilma Rousseff. Para o órgão, Moro não tem competência para analisar a prova. A reclamação será relatada pelo ministro Teori Zavascki.

No recurso, a AGU sustenta que Moro usurpou a competência do Supremo ao decidir retirar o sigilo da conversa, que envolve a presidenta da República. "Decisão de divulgar as conversas da presidenta – ainda que encontradas fortuitamente na interceptação – não poderia ter sido prolatada em primeiro grau de jurisdição, por vício de incompetência absoluta. Em vez de decidir, deveria o magistrado ter encaminhado o material colhido para o exame detido do tribunal competente (juízo natural), e não divulgá-lo, possibilitando a exposição na mídia", sustenta o órgão.

Antes de a AGU protocolar o recurso para anular a decisão de Sérgio Moro, o juiz enviou ao Supremo as interceptações telefônicas nas quais o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva conversa com a presidenta Dilma Rousseff e com o então chefe da Casa Civil, e hoje ministro do gabinete pessoal da presidenta, Jaques Wagner.

Jovem de 20 anos foi assassinada com 6 tiros no bairro cenecista em Picuí/PB.

Por volta das 22:30 horas de segunda feira (21), a jovem Maria Keliane Santos Flor, 20 anos foi assassinada com 6 tiros no bairro Monte Santo em Picuí. A vítima se encontrava nas proximidades de sua residência, quando chegaram dois indivíduos numa moto e um deles de revolver em punho disparou contra a vítima que teve morte no local do fato. O crime aconteceu na entrada da alça que da acesso ao IFPB no Bairro Cenecista. 

Keliane como era mais conhecida era filha da senhora Sebastiana Adília, também conhecida por Bastinha e de Erivaldo de Antonio de Bina.

A vítima é sobrinha do cantor Manoel Santos.


RN terá 21 açudes no volume morto até o meio do ano, aponta Igarn.

Sete açudes do Rio Grande do Norte chegarão ao volume morto até o mês de junho deste ano – ou seja, estarão completamente vazios. Ao todo, o estado deverá ter um total de 21 reservatórios nessa situação.

Os dados são do balanço divulgado nesta segunda-feira (21) pelo Instituto de Gestão de Águas do Estado do Rio Grande (Igarn) que trata sobre os níveis dos reservatórios do estado. O órgão monitora os níveis em todo o estado.

De acordo com o Igarn, 14 reservatórios já estão em volume morto, representando 29,77% e outros seis perdurarão até dezembro de 2016, representado 23,40% dos reservatórios do estado.

Em 2017, oito açudes deverão entrar em volume morto sendo 5 no primeiro semestre e três no segundo. Se as chuvas mantiverem no nível em que estão no atual momento apenas um reservatório deverá manter-se até 2019, sendo ele o de Santa Cruz do Apodi que hoje tem 179,6 milhões de metros cúbicos, 29,95% dos 600 milhões de metros cúbicos totais da sua capacidade.

O maior reservatório do estado, a Barragem Armando Ribeiro Gonçalves que tem uma capacidade de 2,4 bilhões de metros cúbicos, entretanto hoje ela tem apenas 19,81% de sua capacidade, o que significa 475,4 milhões de metros cúbicos.

O secretário informou ainda que algumas medidas estão sendo tomadas para minimizar os impactos da seca nessas regiões. “Continuaremos com a perfuração de poços e destinaremos recursos na ordem de R$ 4 milhões a destinação de carros-pipa para as áreas urbanas dessas cidades”, declarou.

Policial militar é morto ao ser baleado por bandidos em Mossoró.

Um policial militar foi baleado e morto, no final da tarde de ontem (21), na cidade de Mossoró. Ele não estava de serviço, mas estava no local onde bandidos tentavam realizar um assalto. Eles teriam reconhecido o policial e então efetuaram um disparo contra ele.

Identificado até o momento como Widney, o policial chegou a ser socorrido e levado ao hospital, no entanto, não resistiu e morreu durante o atendimento. O PM era lotado na Cavalaria do 2° Batalhão da Polícia Militar em Mossoró.

Logo após o crime, várias equipes da PM se deslocaram para a área da ocorrência e realizam diligências para tentar localizar os suspeitos.

De acordo com a polícia, eles estavam em uma moto roubada e chegaram a abandonar o veículo, fugindo em um carro e levando uma mulher como refém. A mulher foi liberada logo em seguida. Ninguém foi preso até o momento.

Fonte: Portal BO

Conselheiro Poti Júnior inaugura processos eletrônicos nos gabinetes do TCE.

Com o objetivo de se adequar à Resolução 024/2012, que institui e regulamenta o processo eletrônico no âmbito do Tribunal de Contas do Estado (TCE), o gabinete do conselheiro Poti Júnior iniciou no mês de março um trabalho voltado para a conversão de todos os processos físicos em eletrônicos.

Desde o dia 1º, quando iniciou o mutirão, o gabinete já converteu 232 processos, fruto de uma parceria com a Diretoria de Expediente. A previsão é que a partir do dia 28 de março, com servidores já capacitados, o gabinete realize diretamente a conversão dos processos.

“A conversão de processos físicos em processos eletrônicos significa uma nova era no TCE, dando mais celeridade e transparência para as contas públicas”, avalia o conselheiro Poti Júnior.

A Resolução nº 024/2012 entrou em vigor em 02 de novembro de 2012. No primeiro momento, o trabalho foi voltado aos processos de atos de pessoal sujeitos a registro. Atualmente, a conversão vem sendo efetivada em todas as diretorias de controle externo. Agora, chega aos gabinetes.

Governador distribui peixes para 5 mil famílias da capital.

O governador Robinson Faria, acompanhado pela primeira dama Julianne Faria, visitou diversos bairros de Natal para entregar dez toneladas de peixes às famílias carentes da capital potiguar. No total, moradores de 25 bairros receberam o alimento, beneficiando cerca de cinco mil famílias carentes. Os peixes foram doados por empresários de todo o Estado.

O primeiro local de entrega foi no bairro Guarapes na Zona Oeste de Natal. De acordo com o Governador Robinson Faria, o objetivo é oferecer as famílias o tradicional alimento consumido na Semana Santa.

Com mega estrutura, RedeMais Santa Cruz será inaugurada hoje.

Com uma estrutura inédita em Santa Cruz, a RedeMais, uma das maiores redes de supermercados do Rio Grande do Norte, inaugura sua filial hoje na capital do Trairi. As portas serão abertas para os clientes a partir das 8h.

A inauguração é rodeada de expectativas, tanto por parte da direção da rede de supermercados, quando por parte da população, que ganhará um equipamento comercial no setor de supermercados que tem o padrão da região metropolitana.

Com salão de vendas de 1700 metros quadrados, o supermercado traz uma vasta de opções de produtos, com objetivo de se tornar referência na região, além de outros serviços como padaria completa, restaurante e espaço para outras seis lojas segmentadas que se instalarão no local.

A estrutura do supermercado ainda conta com estacionamento para 80 veículos e uma área livre que será estruturada para receber veículos que trazem pessoas da zona rural para o sábado de feira livre em Santa Cruz.

A filial de Santa Cruz funcionará de segunda a sexta-feira das 7h às 20h, no sábado das 6h às 20h e no domingo e feriados das 7h às 13h. A expectativa é que centenas de clientes já movimentem a partir de hoje a loja.

O investimento na obra foi de cerca de 8 milhões de reais, financiada, em sua maioria, pelo banco do Nordeste.

Fonte: Blog do Édipo Natan

domingo, 20 de março de 2016

Campo Redondo: Recordar é viver, ou melhor, reviver...


Veja vídeo do termo de compromisso de Doutor Alessandru então candidato e hoje prefeito de Campo Redondo, aonde o mesmo prometeu em sua campanha eleitoral pagar o piso nacional dos professores e depois de eleito esqueceu.

Aproximadamente 95% dos trabalhadores em educação do RN aderiram à Greve Nacional, aponta SINTE.

Em vários municípios do interior do RN foram realizadas assembleias, atos públicos, debates e panfletagens durante os três dias da Greve Nacional de Educação.

A paralisação, que foi convocada pela CNTE, ocorreu entre a terça-feira (15) e a quinta-feira (17).

De acordo com a coordenadora geral do SINTE/RN, professora Fátima Cardoso, 95% da categoria aderiu a paralisação: “Os trabalhadores em educação de todo o país estão insatisfeitos com a pauta conservadora que está sendo aplicada pelo Congresso Nacional. Não há uma pauta propositiva para a educação do pais, a maioria dos deputados e senadores não têm compromisso com o trabalhador”.

Ela disse que estão em marcha ataques a lei do Piso Salarial Nacional e a entrega das escolas públicas aos militares e organizações sociais, assim como ocorre nos estados de Goiás, São Paulo, Paraná, Maranhão e Piauí: “A categoria é contrária a este formato de educação, que traz de volta o estado autoritário”.

Segundo a coordenadora, o SINTE avalia que os parlamentares querem trazer o regime de exceção (ditadura) de volta. “Parece que para eles não foram suficientes as propostas de lei que visam criminalizar os educadores, a exemplo dos projetos que desejam barrar a pedagogia freiriana e a discussão ideológica em sala de aula”.

Fátima disse que o Sindicato vai promover alguns debates, para que a categoria possa obter mais embasamento acerca da questão: “Assim os trabalhadores em educação vão compreender melhor a situação para poder reagir aos ataques das elites e setores conservadores deste país”.

Subprocurador-Geral da República pede retomada das investigações da Operação Dama de Espadas ao STF.

Em meio a tantos escândalos políticos pelo Brasil afora, um já conhecido no Rio Grande do Norte volta à tona: a Operação Dama de Espadas, que investiga suposto desvio de mais de R$ 5 milhões da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, sob o comando da então da Procuradora-Geral da Casa, Rita das Mercês Reinaldo.

A novidade em torno do caso é que o subprocurador-geral da República, Edson Oliveira de Almeida, encaminhou voto ao Ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), opinando pela retomada das investigações.

Segundo informações conseguidas pela Tribuna do Norte, a Procuradoria da República ainda foi favorável a extinção das reclamações feitas pelas Procuradorias Gerais do Estado e da Assembleia Legislativa, que juntas alegaram a incompetência do juízo de primeiro grau que autorizou a investigação dos atos supostamente ilícitos cometidos no âmbito da Assembleia Legislativa do RN.

A investigação é referente aos anos de 2006 a 2011, período em que a Assembleia Legislativa era presidida pelo hoje governador Robinson Faria (PSD), que até então não é réu no processo.

Deputado Tomba assina fichas de novos filiados do PSB em Tangará.

O deputado Tomba Farias esteve ontem em Tangará assinando diversas fichas de filiação de novos integrantes do PSB naquele município. O presidente da legenda em Tangará será Cléssio, liderança comunitária local.

Enetre nomes de expressão estão a candidata a prefeita em 2012 Mirian, que é pré-candidata a vereadora e Joãozinho de Almeida, também já foi candidato em outros pelitos no município. O deputado estadual ressaltou que o PSB no município passa por reestruturação e deixou os integrantes à vontade para definir quem apoiarão para prefeito no próximo pleito.

Enquanto impeachment segue rápido, processo contra Cunha caminha lento.

Enquanto trabalha para apressar e votar nos próximos 30 dias o impeachment da presidente Dilma no plenário, a Câmara só deverá se ocupar no fim de junho do processo por quebra de decoro contra o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). O cálculo, feito pelo relator do processo, deputado Marcos Rogério (DEM-RO), leva em conta os prazos do rito e nem considera a possibilidade de vitória de Cunha no recurso feito à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que tenta zerar novamente a votação do parecer no órgão.

Rogério admite que é um cálculo otimista. Em cenário mais realista, Cunha pode conseguir adiar a votação para depois do recesso parlamentar de julho.

— É possível ter o parecer aprovado no conselho e levá-lo ao plenário no fim de junho, antes do recesso parlamentar. Mas é uma previsão otimista, a depender do comportamento do representado. Se levar em consideração o histórico do processo, pode ser uma previsão equivocada — disse Marcos Rogério.

A representação foi feita pelo PSOL e pela Rede em 14 de outubro do ano passado, mas o processo só foi instaurado em 3 de novembro. Aliados de Cunha recorreram a manobras regimentais para protelar e anular a votação e conseguiram até a suspeição do primeiro relator escolhido, Fausto Pinato (PP-SP). Com novo relator, o Conselho de Ética chegou a votar o parecer em dezembro, mas os conselheiros tiveram que refazer o trabalho porque o primeiro vice-presidente da Casa, Waldir Maranhão (PP-MA), aliado de Cunha, alegou falha regimental.

O parecer, que apenas dá andamento ao processo, foi aprovado no dia 1º de março. O prazo de defesa escrita de Cunha termina nesta segunda-feira. Ele já recorreu à CCJ, pedindo nova votação, e o recurso sequer foi analisado, porque o presidente da Câmara ainda não instalou as comissões permanentes da Casa. Isso só deve acontecer na próxima semana.

Marcos Rogério não prevê que esse recurso de Cunha seja aprovado pela CCJ e afirma que dará início, nesta terça-feira, à fase de instrução probatória — quando são analisados documentos e ouvidas testemunhas. O Código de Ética dá até 45 dias para concluir essa fase. O relator pedirá, nesta terça, que o Supremo Tribunal Federal e a Procuradoria Geral da República compartilhem as provas já produzidas com relação às contas de Cunha no exterior.

O Globo

Santa Cruz: Polícia Civil desvenda crime e acusados de morte de Giba Adriano estão detidos.

Em um vasto trabalho de investigação, a Polícia Civil conseguiu concluir o inquérito e desvendar a morte do empresário Gilberto Adriano da Silva, conhecido por Giba Adriano.

Segundo o chefe de investigações da Polícia Civil, Walmir Barbosa, o crime foi cometido por Francisco Daniel Bezerra da Silva. Ele foi preso, juntamente com outros quatro homens, no dia seguinte ao crime em uma operação da Policia Militar, comandada por Major Moura, mas negou o envolvimento na ação delituosa.

Após um mês de investigações, a Polícia Civil ouviu ontem um jovem, menor de idade, que também confessou envolvimento na ação, como o piloto da moto que foi usada no crime. Após ouvir o menor e com o exame de balística comprovando que a arma utilizada no crime foi usada pelo Francisco Daniel na ação, a Polícia Civil pediu a prisão preventiva contra ele, prisão esta concedida pela vara criminal de Santa Cruz na manhã de sexta. O menor também teve sua apreensão pedida e concedida pela Justiça.

O inquérito também comprovou que o crime foi um latrocínio, que é um roubo seguido de morte. Francisco Daniel chegou ao comércio de Giba Adriano na manhã do sábado, em plena feira livre, para roubá-lo. Em seguida, ele disparou contra a vítima, que foi socorrida, mas morreu no Hospital Regional de Santa Cruz.

Francisco Daniel Bezerra da Silva já está detido no presídio Raimundo Nonato, em Natal, após ser preso aqui no dia 14 e fevereiro (ele era foragido da Justiça), e receberá, no próprio presídio a voz de prisão pelo crime contra Giba Adriano.

Fonte: Blog do Édipo Natan

Pesquisa Datafolha mostra Marina à frente para disputa em 2018.

Pesquisa Datafolha divulgada ontem (19) pelo site do jornal "Folha de S.Paulo" mostra os percentuais de intenção de voto em quatro simulações da corrida presidencial de 2018.

Segundo o instituto, a ex-senadora Marina Silva (Rede) lidera numericamente intenções de voto e tem entre 21% e 24%, dependendo de quem for o candidato do PSDB. Lula (PT) perdeu pontos além da margem de erro, comparado àpesquisa anterior, de fevereiro. Em um confronto com Marina e Aécio, ele ficaria em terceiro lugar. Veja os números:

Cenário 1 (com Aécio):
Marina Silva (Rede): 21%
Aécio Neves (PSDB): 19%
Lula (PT): 17%
Bolsonaro (PP): 6%
Ciro Gomes (PDT): 6%
Luciana Genro (PSOL): 3%
Eduardo Jorge (PV): 2%
Ronaldo Caiado (DEM): 2%
Michel Temer (PMDB): 1%
Branco/nulo: 18%
Não sabe: 6%

Cenário 2 (com Alckmin):
Marina Silva (Rede): 23%
Lula (PT): 17%
Geraldo Alckmin (PSDB): 11%
Ciro Gomes (PDT): 7%
Bolsonaro (PP): 6%
Luciana Genro (PSOL): 3%
Eduardo Jorge (PV): 2%
Michel Temer (PMDB): 2%
Ronaldo Caiado (DEM): 1%
Branco/nulo: 20%
Não sabe: 7%

Cenário 3 (com Serra):
Marina Silva (Rede): 24%
Lula (PT): 17%
Serra (PSDB): 13%
Ciro Gomes (PDT): 7%
Bolsonaro (PP): 7%
Luciana Genro (PSOL): 3%
Eduardo Jorge (PV): 2%
Ronaldo Caiado (DEM): 2%
Michel Temer (PMDB): 1%
Branco/nulo: 19%
Não sabe: 6%

Cenário 4 (com os três tucanos):
Marina Silva (Rede): 17%
Lula (PT): 17%
Aécio Neves (PSDB): 14%
Sergio Moro (sem partido): 8%
Serra (PSDB): 6%
Bolsonaro (PP): 5%
Ciro Gomes (PDT): 5%
Geraldo Alckmin (PSDB): 5%
Luciana Genro (PSOL): 3%
Eduardo Jorge (PV): 1%
Ronaldo Caiado (DEM): 1%
Michel Temer (PMDB): 1%
Branco/nulo: 13%
Não sabe: 5%

O Datafolha realizou a pesquisa nos dias 17 e 18 de março de 2016 com 2.794 entrevistados em 171 municípios. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos. Segundo o instituto, os resultados podem exceder o ficar abaixo dos 100% devido a arredondamentos.

sexta-feira, 18 de março de 2016

Dilma é notificada sobre eleição da comissão do impeachment.

A presidente Dilma Rousseff foi notificada há pouco sobre a eleição da comissão especial destinada a apurar o pedido de impeachment acatado pelo presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) no dia 2 de dezembro do ano passado.

O primeiro-secretário da Mesa Diretora, Beto Mansur (PRB-SP), entregou o aviso acompanhado da mensagem de Cunha ao subchefe de Assuntos Parlamentares da Secretaria de Governo da Presidência da República, Danilo Gennari de Souza, às 18h05.

Após o recebimento do aviso, inicia-se o prazo de dez sessões ordinárias da Câmara para que a presidente apresente a sua defesa por escrito. Segundo a mensagem recebida, o período de defesa começa a contar a partir de hoje (18), “findando o prazo às 19h do dia em que ocorrer a décima sessão.”

A comissão - que tem como objetivo emitir um parecer sobre a denúncia de crime de responsabilidade formulada contra a presidente pelos juristas Hélio Bicudo, Miguel Reale Junior e Janaína Paschoal-, foi aprovada nesta tarde por 433 votos favoráveis e um contrário à chapa com os 65 nomes titulares e os respectivos suplentes indicados pelos líderes partidários.

Rio Grande do Norte ganha aplicativo para chamar moto-táxi.

Uma novidade promete facilitar e muito a vida dos potiguares que não têm veículo próprio e precisam de agilidade para se locomover no dia-a-dia. É o aplicativo VAI NA MOTO. Com ele, o usuário não precisará mais esperar por um moto-táxi no ponto, ligar para uma central ou se arriscar em chamar e montar em uma moto na rua. Basta baixar o aplicativo em um smartphone ou tablet, logar e fazer o seu pedido. Chamou, chegou. Simples, prático e rápido. 

Prezando pela segurança dos seus passageiros em primeiro lugar, o aplicativo só terá cadastrado em sua base motos licenciadas pelas prefeituras, as motos de placa vermelha. O lançamento oficial será realizado na próxima segunda-feira, dia 21 de março, em um evento fechado para convidados no Bouganville Recepções, em Parnamirim, com a participação dos humoristas Teus Costa, Ylan Adlin e Toinho Andrade.

Com o aplicativo, espera-se oferecer à população um serviço personalizado com atendimento mais humanizado. O aplicativo funciona da seguinte forma: ao fazer um pedido, o celular ou tablete do passageiro emite um chamado para os cinco mototaxistas que estiverem mais perto do local que ele se encontra. Dos que aceitarem, ganha a corrida o que estiver mais próximo do local, garantindo assim um tempo mínimo de espera por parte do cliente e salvando um tempo precioso do mototaxista. Enquanto espera, o cliente pode acompanhar, em tempo real, o deslocamento do moto-táxi até ele. Bom para o passageiro e para o mototaxista. Se um cliente ficou muito satisfeito com uma corrida anterior, ele poderá solicitar o mesmo moto-táxi através do seu número de registro.

Ao fim da corrida, o passageiro poderá avaliar o desempenho do profissional que o atendeu – pontuando de um à cinco a qualidade do serviço prestado. Entre as opções, o passageiro poderá avaliar o modo como o motoqueiro pilotou, sua cordialidade e a segurança. Para garantir que o sistema de avaliação seja utilizado para garantir o melhor serviço à população, motoqueiros que ficarem por dois meses consecutivos com apenas duas estrelas na avaliação terão seu cadastro excluído. O download do aplicativo pode ser realizado pela Google Play gratuitamente.

Com o VAI NA MOTO, o mototaxista não precisa mais perder um tempo valioso parado no ponto esperando novos clientes. Ele pode rodar a cidade toda e de uma corrida já ser chamado diretamente para outra. Para aderir ao cadastro de moto-táxis do aplicativo é preciso se dirigir até a Central de Cadastramento. Só serão cadastradas motos de placa vermelha. Pagando menos de R$1,00 por dia, com o VAI NA MOTO o mototaxista não precisa repassar nenhuma parte do lucro obtido com as corridas feitas pelo aplicativo. Basta pagar um valor fixo mensal de R$29,90.

O pagamento funciona como uma espécie de recarga. O mototaxista efetua a recarga em um dos pontos espalhados pelas cidades e estará apto a realizar corridas pelo aplicativo durante trinta dias, prazo de validade da recarga. O pagamento poderá ser feito nos pontos de recarga espalhados pelas cidades.. Os gestores do projeto esperam expandir os serviços oferecidos para as principais cidades do Rio Grande do Norte e, em breve, demais cidades brasileiras.

Os gestores do projeto esperam expandir os serviços oferecidos para as principais cidades do Rio Grande do Norte e, em breve, demais cidades brasileiras. Outras informações e os termos de uso estarão disponíveis no site: www.vainamoto.com.br.

PF faz primeira apreensão de drogas da história do novo aeroporto de Natal.

Droga estava sendo transportada dentro de uma mala (Foto: Divulgação/PF)
A Polícia Federal prendeu em flagrante, na tarde desta quinta-feira (17) no Aeroporto Internacional Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante, cidade da Grande Natal, um casal suspeito de tráfico de drogas: uma estudante de 20 anos e um vendedor de automóveis de 23, ambos potiguares. Com eles, foram apreendidos cinco quilos de pasta base de cocaína e 1,6 quilo de haxixe. A droga veio um voo de Brasília. Segundo a PF, esta foi a primeira vez que foi apreendida droga no aeroporto desde sua inauguração em 2014.

Ainda de acordo com a PF, havia uma informação da área de inteligência de que uma passageira poderia desembarcar na tarde desta quinta trazendo para Natal droga na bagagem. Assim, os policiais iniciaram uma fiscalização no setor de desembarque doméstico e visualizaram uma mulher em atitude suspeita. Ela foi seguida até o estacionamento. Pouco tempo depois, um veículo guiado por um homem veio ao seu encontro e, na hora em que ela entrou no carro, ambos foram abordados. Ao ser vistoriada a mala, enrolados em roupas, estavam os tabletes da droga.

Eles receberam voz de prisão e foram de imediato conduzidos para autuação na sede da PF, em Natal. Durante o interrogatório, o casal apresentou versões conflitantes sobre o encontro dos entorpecentes, pois enquanto a mulher afirmava que havia sido contratada por um desconhecido que lhe prometeu R$ 5 mil para entregar uma mala em Natal, o homem negou ser o dono da droga e disse que não tinha envolvimento algum com o fato. Ele afirmou apenas que foi fazer a condução da passageira, ficando surpreso quando os policias chegaram.

Indiciados por tráfico de drogas, os suspeitos permanecem custodiados na sede da PF, à disposição da Justiça.

Presidente do TSE determina unificação de ações que pedem cassação da presidente Dilma.

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Dias Toffoli, determinou nesta quinta-feira (17) a unificação da tramitação das quatro ações (Aime 761, Aije 194358, Aije 154781 e RP 846) que pedem a cassação da presidente da República, Dilma Rousseff, e do vice, Michel Temer, eleitos em 2014.

Em decisão respondendo a questão apresentada pela corregedora-geral da Justiça Eleitoral, ministra Maria Thereza de Assis Moura, o presidente Dias Toffoli disse que os processos tratam sobre o mesmo tema e “devem ser reunidos em prol da racionalidade e eficiência processual, bem como da segurança jurídica, uma vez que tal providência tem o condão de evitar possíveis decisões conflitantes”.

O ministro determinou a redistribuição à ministra Maria Thereza e o encaminhamento do processo ao gabinete da Corregedoria-Geral Eleitoral. Segundo Toffoli, devido à precedência da Aije na distribuição, a redistribuição deve ocorrer “a fim de que as relações jurídicas discutidas em cada ação, no ponto em que se conectam, possam ser conduzidas pelo mesmo órgão julgador”.

Ezequiel lembra ao governo demandas de saúde e água para município do Agreste.

Ao se deparar com as condições de escassez de água e com as dificuldades de transferências de pacientes que necessitam de remoção para outras unidades de saúde no município de Boa Saúde, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB), solicitou que o Governo do Estado intervenha com ações que tranquilize os moradores daquela localidade da região Agreste.

“Diante da estiagem prolongada que insiste em se manter no semiárido, Boa Saúde, assim como mais de 150 municípios do Estado, passa por extremas dificuldades no abastecimento de água. No caso de Boa Saúde a área rural preocupa ainda mais, como as localidades de Xique Xique, Lagoa dos Currais e Riacho do Bom Pastor. Por isto estou solicitando a perfuração e instalação de poços tubulares”, justificou Ezequiel Ferreira. 

Com uma população de aproximadamente 10 mil habitantes, o município de Boa Saúde tem somente uma unidade móvel de saúde para atender a população. “A proposta sugerida tem como objetivo suprir a necessidade da população que precisa de ambulâncias para atender aos chamados. Boas condições de saúde é um fator fundamental para o melhor desenvolvimento social de um município e sem um veículo apropriado para transportar seus enfermos ou acidentados para um hospital ou outro centro com melhores estruturas a saúde fica comprometida”, salienta o deputado.