quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Governo entrega equipamentos e viaturas do “Crack, é Possível Vencer” na zona Norte de Natal.

O Governo do Estado do RN, por meio da Secretária de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), em parceria com o Ministério da Justiça, entrega nesta quinta-feira (10), às 10 horas, ao 4º Batalhão de Polícia Militar (4º BPM), no Bairro Nossa Senhora da Apresentação, na zona Norte de Natal, 200 armas menos que letais, sendo 50 kits spark (armas de eletrochoque) e 150 espargidores de gás de pimenta, duas motocicletas, dois veículos e um micro-ônibus de videomonitoramento, oriundos do Programa Crack, é Possível Vencer, para reforçar as ações de segurança na capital do estado.
 
Na ocasião, o 4º BPM também será contemplado com uma nova viatura do tipo Spin que atuará nos moldes de Base Móvel, orientada pelas manchas criminais, por meio de um planejamento criterioso monitorado por um Cartão Programa digital, o que chamamos de Prevenção Ativa. A expectativa é que com a ativação desta base móvel esta região retome a sua capacidade de trabalhar proativamente nas ações preventivas. Além deste veículo, o policiamento também receberá parte dos equipamentos adquiridos por meio de convênio entre o Governo do Estado e a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) do Ministério da Justiça. Entre estes equipamentos estão capacetes, pistolas .40, fuzis  e coletes balísticos.
 
Quanto à aquisição do micro-ônibus, o Rio Grande do Norte foi contemplado com três veículos deste modelo sendo este o segundo a ser entregue à população. O primeiro já se encontra atuando em Mossoró, desde maio, e o terceiro deverá ser entregue ao 3º Batalhão de Polícia Militar (3º BPM), em Parnamirim.
 
O micro-ônibus irá apoiar o policiamento na zona Norte de Natal, por ser capaz de enviar informações em tempo real à Polícia, possibilitando a ação imediata contra traficantes ou a identificação de suspeitos. Este veículo, que está integrado a 20 câmaras, será colocado em pontos estratégicos para suporte às ações de patrulhamento nas cenas de venda e consumo de crack e outras drogas. Ele serve como pequeno centro de comando e controle, dando suporte tecnológico aos profissionais de segurança pública, que prestam atendimento à comunidade local e acompanham, por meio de monitores, as imagens captadas pelas câmeras de vídeo instaladas em pontos com mais vulnerabilidade.
 
O programa Crack, é Possível Vencer, é executado em parceria pelos ministérios da Justiça, da Educação, da Saúde e do Desenvolvimento Social e os governos estaduais e prefeituras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário