quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Presa dupla autora de assalto e estupros em Parnamirim.


dupla_estupro
Os policiais civis da 1ª Delegacia de Polícia de Parnamirim, com apoio da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM), prenderam em flagrante nesta quarta-feira (25) Euclides Tomas, de 18 anos, e Jeová Soares, de 23 anos, acusados pelo assalto à uma residência e pelo estupro de mãe e filha, uma adolescente.
O crime aconteceu nesta terça-feira (24). no bairro Bela Parnamirim, em Parnamirim. No momento em que a dupla invadiu a casa e rendeu a família encontravam-se pai e filhos, dois meninos, de 7 e 11 anos, e uma adolescente de 14 anos, tendo a mãe chegada em seguida na casa.
A dupla recolheu diversos pertences da casa, desde perfumes e botijão de gás à celulares, computadores e o carro do família, utilizado na fuga do local. Depois de terem colocado todos os objetos no carro, um dos assaltantes teria, então, estuprado mãe e filha.
Após diligencias e de encontrarem o carro da família abandonado, Euclides e Jeová foram localizados pela equipe da 1ª DP na tarde de hoje em uma granja, localizada no bairro Nova Esperança, também em Parnamirim. Com a dupla os policiais apreenderam diversos pertences das vítimas, subtraídos durante o assalto, além de um revólver, utilizado durante o crime.
Encaminhados a delegacia a dupla foi reconhecida pelo patriarca da família. A equipe policial da DEAM, responsável pelo atendimento às vítimas do estupro, realizou então com um das vítimas o reconhecimento através de fotos, durante o qual a mesma teria inclusive passado mal.
Para o delegado da 1ª DP de Parnamirim, Júlio César, não há dúvidas que a autoria dos crimes seja de Euclides e Jeová, tendo inclusive os mesmos confessado o assalto a casa. “Este é um caso de resposta rápida e efetiva da Polícia Civil. Mesmo não assumindo o abuso sexual, temos provas suficientes para identificar o autor do estupro”, destacou o delegado. Euclides e Jeová foram flagranteados pelos crimes de roubo qualificado e estupro e já foram encaminhados para o Sistema Prisional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário